Calvície feminina

0 comentários

Estatísticas apontam que, atualmente, não é apenas do homem o problema de perder parte dos cabelos durante a juventude. As mulheres também podem apresentar níveis de calvície ainda quando jovens. Estima-se que 5% das mulheres comecem a perder cabelo a partir dos 17 anos. Um dos motivos é a tendência genética.


“Além das causas genéticas, as mulheres podem perder cabelo por diversas razões, como a dermatite seborreica – excesso de oleosidade e fungos –, carência de ferro, hipotireoidismo – diminuição de funcionamento da tireóide –, danos químicos nos cuidados com o cabelo, entre outros fatores”, alerta a dermatologista Annia Cordeiro Lourenço.

Segundo ela, todas as mulheres precisam ficar atentas a qualquer sinal de quebra excessiva do cabelo, principalmente aquelas que se submetem a tinturas, alisamentos ou algum outro tipo de química capilar.

A professora de inglês Daniela Viera lembra que começou a perceber a queda de cabelo aos 20 anos de idade. “Achei que fosse algo momentâneo, mas notei que a cada dia caía mais e mais. Foi quando resolvi procurar ajuda médica. No meu caso, a queda era mais por conta do estresse, mesmo assim tive de usar um xampu de manipulação”, lembra.

“Quanto antes a paciente começar o tratamento de calvície, maiores as chances dela prevenir a queda de outros fios. Além de loções e xampus manipulados, o especialista pode receitar vitaminas e outras substâncias que contribuem para o tratamento”, afirma Annia.

FORÇA JOVEM UNIVERSAL - #TAMOJUNTOEMISTURADO

Aqui você tem valor! Você é nosso convidado!

0 comentários: